Notícias

NO DOMINGO FORAM ELEITOS OS CINCO CONSELHEIROS TUTELARES DE PACARAIMA QUE TRABALHARÃO NOS PRÓXIMOS QUATRO ANOS
08 DE OUTUBRO DE 2019

Departamento de Tecnologia da Informação — Foto:

Departamento de Tecnologia da Informação — Foto:

Foi realizada no domingo (06/10), a eleição dos novos 05 Conselheiros Tutelares que vão trabalhar pelos próximos quatro anos em defesa dos direitos de crianças e adolescentes no município de Pacaraima.

A escolha foi realizada pelo Conselho Municipal de Direitos das Crianças e Adolescentes – CMDCA, com o apoio da Prefeitura de Pacaraima por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social – SEMAS, nos seguintes locais de votação: Creche Municipal Jessyka Christine Carvalho da Cruz, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Agropecuário (Centro Turístico de Pacaraima), Escola Municipal Casimiro de Abreu, Escola Estadual Indígena José Marcolino (Comunidade Indígena Contão), Escola Estadual Indígena Tuxaua Silvestre Messias (Comunidade Indígena Surumu) e Comunidade Indígena Boca da Mata.

As urnas foram de lonas e cedidas pelo Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (TRE-RR). A eleição aconteceu das 8h às 18h. As 05 vagas foram preenchidas pelos futuros Conselheiros Tutelares: Valdenora de Oliveira Monteiro Maia (187 votos), Robson Feitosa Alves (159 votos), Elizandra Souza da Silva (147 votos), João Paulo da Silva Maia (121 votos) e Karina Tagla Silva dos Prazeres (87 votos).

A importância do Conselho Tutelar em todos os municípios do Brasil está relacionada à defesa da criança e adolescente, no que diz respeito à violação de seus direitos. O trabalho do conselheiro é atuar em cada região da comunidade ouvindo o cidadão que tiver alguma demanda relacionada à violação de direito, por exemplo, na área de educação, saúde ou mesmo situações em que uma criança esteja sofrendo abuso ou maus-tratos, levando essa demanda aos órgãos da rede de proteção.

No sábado, dia anterior da escolha dos Conselheiros Tutelares foi realizada a capacitação de todos os atores que participaram do processo de escolha do Conselho Tutelar. No final, as urnas foram lacradas e entregues à Polícia Militar – PM para a guarda das mesmas e depois enviadas aos locais de votação.

Por Márcio Coêlho

OUTRAS NOTÍCIAS

Educação   28 DE AGOSTO DE 2018
Comunicado   08 DE MARÇO DE 2019
Cultura   22 DE FEVEREIRO DE 2018
Cidadania   29 DE JUNHO DE 2018
Cidadania   07 DE FEVEREIRO DE 0018
Aviso   12 DE AGOSTO DE 2018